Tempo de leitura: 2 minutos

O brasileiro está mais acostumado a comprar pela internet, mas parte dos consumidores ainda diz não sentir segurança de digitar os dados do cartão de crédito em sites e aplicativos, mostra estudo sobre os hábitos de consumo on-line no país.

O levantamento foi feito pelo aplicativo de pesquisas remuneradas PiniOn em parceria com a Rakuten, empresa que cria plataformas para lojas virtuais.

Cerca de 8 entre 10 brasileiros fizeram ao menos uma compra pela internet nos últimos 12 meses e mais da metade já usou smartphones para essa finalidade.

Mas, segundo o estudo, a maioria (58%) dos entrevistados prefere fazer compras a partir de um computador.

As três razões mais citadas para a resistência em usar celulares para adquirir produtos são o fato de não se sentirem seguras (36%), as telas pequenas (25%) e uma conexão de internet ruim (14%).

Já entre os adeptos dos smartphones, os motivos são a possibilidade de adquirir produtos em qualquer local (58%) e a rapidez da operação (22%)

Em relação aos meios de pagamento, o cartão de crédito é adotado por 70% desses consumidores virtuais.


1

No entanto, menos de 60% dos entrevistados dizem se sentir seguros ao usar o cartão para pagamentos na internet. Em razão da desconfiança, apenas um em cada cinco deles deixam os dados do cartão gravados no site.

A insegurança é compreensível porque, no Brasil, muitas pessoas passaram a ter contato com a internet apenas recentemente, com a popularização dos smartphones, afirma Rogério Godoy, especialista em gestão de e-commerce e marketing digital.

“Há muitos novatos, mas, se comprarem pela internet e tiverem uma boa experiência, essa insegurança deve diminuir”, diz.

O levantamento indica ainda que os brasileiros usam a própria internet para buscar informações sobre a credibilidade dos vendedores antes de comprar.

As estratégias comuns são acessar sites que reúnem reclamações, ler notícias sobre a companhia, visitar as redes sociais da empresa e consultar a experiência de familiares e amigos com a marca.

Para conquistar a confiança do cliente, Godoy sugere que o empresário tenha em seu site um espaço para exibir comentários e avaliações de pessoas que já compraram algo, além de uma ferramenta para mostrar quantos amigos curtiram a página da empresa nas redes sociais.

2

Apesar da hesitação de parte da população, a maioria (69%) dos entrevistados, diz acreditar que passará a fazer mais compras pelo celular nos próximos cinco anos.

A pesquisa foi feita em outubro com 1.198 pessoas entre 18 e 60 anos de todo o país

3

 

Fonte: Jornal Folha de S. Paulo on-line

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Comentários