Criado pelo presidente norte-americano John Kennedy em 1962, o dia mundial do consumidor, comemorado em 15 de março, foi oficializado pela ONU em 1985. A data existe para proteger e lembrar os consumidores dos seus direitos, e para que o comércio reforce o respeito que deve ter às leis do consumidor.

O e-commerce vem desenvolvendo estratégias para a data, não necessariamente no dia do consumidor, mas na semana em que ele cai. A ideia é ao longo dos anos, incluir uma nova data sazonal no calendário do varejo online, a exemplo da Black Friday.

Em 2014 o dia do Consumidor na internet, somente no Brasil, faturou R$ 174 milhões, de acordo com dados da E-bit. A estimativa para este ano é que o faturamento na data cresça 60%, que o volume de pedidos chegue a 630 mil e que o tíquete médio seja de R$ 437.

Para que sua loja passe a comemorar o dia do consumidor e alcance vendas expressivas, é necessário fazer o habitual planejamento de uma ação sazonal (estoque, estabilidade, layout temático, vantagens como descontos e frete grátis) e colocar muita ênfase no marketing, pois para que os internautas apareçam na loja eles precisam saber que você está oferecendo algo especial.

 

Redes sociais

Programe posts sobre a data, teasers dos produtos e dos preços que serão praticados, quizzes, cupons de desconto para os seguidores que mais interagem. Produtos diferentes e que são novidade costumam fazer sucesso e gerar muitos compartilhamentos, então faça uso deles nos posts.

 

Blogs

Se a sua loja virtual possui blog, escreva posts sobre como a data surgiu, quais países já fazem promoções no e-commerce para comemorá-la, por que ela está chegando para provavelmente se firmar, como é vantajosa para aqueles que precisam comprar presentes nos próximos meses e terão a possibilidade de antecipar a compra economizando dinheiro.

Faça publiposts (posts pagos) com blogs importantes que cobrem o seu segmento de mercado. Um post daquela blogueira regional de beleza ou do blogueiro de culinária podem trazer um retorno enorme em número de visitas e conversão para sua loja.

 

E-mail marketing

Crie diferentes modelos de e-mail marketing para diferentes perfis de clientes usando o Big Data da sua loja. A resposta é mais assertiva quando você oferece produtos que são da preferência do cliente. Ofereça vantagens para clientes fiéis, como por exemplo, terem acesso a um hotsite das ofertas com horas de antecedência, entre outras.

Portais

Este tipo de mídia online é o famoso banner, que pode ser anunciado em grandes portais da internet, ou nos portais segmentados. Como o número de visitantes dos portais é muito alto, a chance do banner chamar a atenção do seu cliente-alvo e receber um clique é grande. Porém, o investimento financeiro é alto, é claro. É possível negociar a exposição do banner por diária ou por faixa horária, que permite escolher os horários em que o anúncio será veiculado.

No mês passado, a Rakuten disponibilizou, gratuitamente, um e-book completo sobre mídias online, que ensina aos varejistas como investir em marketing online. Para fazer o download, clique aqui.

Fonte: Rakuten Plataformas

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Comentários